Negócios no front

dez 12, 2019 | Atualidades, economia

Grandes marcas, associadas do Instituto Hélice, conhecerão nesta segunda-feira, 16 de dezembro, 10 negócios de startups na área de finanças

 

Passados os processos de inscrição e seleção, chegou o momento das associadas do Instituto Hélice conhecerem nesta segunda-feira, 16 de dezembro, as 10 startups selecionadas como foco em finanças durante o Pitch Day. O encontro é fechado e acontecerá das 8h às 15h30, na OCA Brasil, hub de inovação do Hélice.

As startups ou fintechs apresentarão seus produtos e poderão sair do evento com negócios fechados com algumas das maiores empresas do Rio Grande do Sul: Florense, Marcopolo, Metadados, Randon, Soprano, TecnoUCS, Faculdade da Serra Gaúcha (FSG), Lojas Colombo, Rede Sim, Sicredi Pioneira RS, Sistema Saúde Integral (SSI), Thyssenkrupp e Unimed Nordeste RS.

Como critério de inscrição, as startups, de diversos cantos do País, precisavam ter o seu Produto Mínimo Viável (Minimum Viable Product) (MVP) desenvolvido e validado no mercado. De acordo com Thomas Job Antunes, executivo do Instituto Hélice, as fintechs estão em crescimento no mundo inteiro, dessa forma, a intenção é conectar startups desse segmento com os envolvidos do instituto. “A intenção é proporcionar benefícios para os processos de gestão e finanças das empresas e, principalmente, de seus clientes. Todas as empresas que integram o Hélice têm interesses devido às suas áreas financeiras, aos serviços de crédito oferecidos ou até mesmo que utilizam. Portanto é uma ótima oportunidade para inserir tecnologias que tornarão processos mais rápidos, inteligente e custos mais interessantes”, aponta.

 

Sobre o Hélice

O nome Hélice foi escolhido por trazer conceitos que estão aderentes à proposta do movimento, que visa aproximar empresas e startups, movimentando o ecossistema de inovação. Em uma hélice todas as pás possuem a mesma importância e saem do mesmo centro – ou seja, o protagonismo é coletivo. Ao se moverem em conjunto, causam transformação, inovam, criam uma força nova. Além disso, a geração de vento também remete à renovação, abundância, sustentabilidade.

O Instituto Hélice conta com empresas mantenedoras: Florense, Marcopolo, Metadados, Randon, Soprano e TecnoUCS; empresas associadas: Faculdade da Serra Gaúcha (FSG), Lojas Colombo, Rede Sim, Sicredi Pioneira RS, Sistema Saúde Integral (SSI), Thyssenkrupp e Unimed Nordeste RS; o hub de inovação: OCA Brasil; realizadora do Grupo de Investimento: VENTIUR; e os apoiadores são: Centro Empresarial de Flores da Cunha, SIMECS, Grupo UniFtec, Adri Silva Agência de Conteúdo, Ezoom, Dupont Spiller Advogados e Tivit

Please follow and like us: