Dany Wambire é o convidado de maio no Quintal da Língua Portuguesa

maio 3, 2021 | Press Releases

Escritor moçambicano conversará sobre as interfaces culturais e artísticas do universo das obras literárias dos países que falam português. O bate-papo, online, acontecerá no dia 8, às 14h (Brasília), às 18h (Lisboa e Luanda) e às 19h (Maputo)

 

O escritor moçambicano Dany Wambire é o próximo convidado do Quintal da Língua Portuguesa, projeto internacional que promove encontros virtuais com autores, estudiosos e leitores para discutir obras de ficção e as interfaces culturais e artísticas nos países que falam o idioma. O encontro será no dia 08 de maio, às 14h (Brasília) | 18h (Lisboa e Luanda) | 19h (Maputo).

Dany nasceu em 1989, na província de Manica, região central de Moçambique. Coordena a Associação Literária Kulemba e dirige a revista Soletras. Como escritor, produziu duas coletâneas de contos A Adubada Fecundidade e Outros Contos e A mulher Sobressalente, ambos publicados no Brasil pela Malê Editora. Também é autor da coleção de crônicas O Curandeiro contratado pelo Meu Edil e o livro juvenil Quem Manda na Selva, além de participações em diversas antologias em Moçambique, Brasil e Portugal. Em 2013, recebeu menção honrosa no Prêmio Internacional José Luís Peixoto.

Interessados em participar do bate-papo, podem fazer a inscrição diretamente no site do Instituto de Leitura Quindim, no link https://bit.ly/3eID059. Para participar, o investimento é de R$ 50 para o público em geral e R$ 25 para conveniados (Senalba, Sinpro, Sindiserv Caxias, Rede Caminho do Saber e ex-alunos dos cursos do Quindim), mediante solicitação de desconto no e-mail institutodeleituraquindim@gmail.com.

 

Sobre o Quintal

O Quintal da Língua Portuguesa é uma realização do Instituto de Leitura Quindim (Brasil), em parceria com o Bichinho do Conto (Portugal), Kacimbo Produção Cultural (Angola) e Associação Literária Kulemba (Moçambique). Os encontros são realizados no segundo sábado de cada mês, pela internet.

Criado em 2011, no Rio de Janeiro, por um grupo de artistas, dentre eles os membros fundadores Edna Bueno, Lucília Soares, Ninfa Parreiras, Ondjaki e o presidente do Instituto Quindim, Volnei Canônica, o Quintal retomou seus encontros em 2021 para conversar sobre a relação de cada convidado com a língua portuguesa, explorando o fazer literário e a arte. A curadoria conta com o time original, além da portuguesa Mafalda Milhões. A logomarca do projeto foi criada pelo premiado ilustrador pernambucano André Neves. Os encontros têm duração, em média, de duas horas e são realizados pela plataforma Zoom. Os participantes recebem certificado emitido pelo Instituto de Leitura Quindim.

Please follow and like us: