Música para confortar e contribuir com a Doação de Órgãos

out 22, 2020 | Press Releases

Cantor gaúcho CIRIO criou o financiamento coletivo “Doe de Coração” para ajudar a Pousada Solidariedade, da VIAVIDA, que acolhe pacientes em lista de espera e transplantados, em Porto Alegre (RS)

 

A dor da perda de um ente querido pode ser sentida de diferentes maneiras, por diferentes pessoas. E foi justamente para melhor lidar com a perda da mãe, Mauriccia Cirio, de 80 anos, em 2016, que o cantor e compositor gaúcho Maurício Cirio, de nome artístico CIRIO, criou o EP “Internação”, lançado em 2020, e a campanha de financiamento coletivo “Doe de Coração” (https://benfeitoria.com/doedecoracao). O objetivo é alcançar a meta de R$ 40 mil para ajudar a Pousada Solidariedade, da entidade VIAVIDA – Pró Doações e Transplantes, de Porto Alegre (RS).

Durante o período em que a mãe estava internada no hospital, passando pelo tratamento de hemodiálise, Maurício conviveu de perto com a importância da doação de órgãos. Em 2020 resolveu abraçar a causa da doação e contribuir com instituições relacionadas à ela, foi então, que conheceu o trabalho da Pousada Solidariedade, que há 14 anos presta assistência às famílias e pacientes em vulnerabilidade social, em especial crianças e jovens, no período pré e pós-transplante de órgãos.

A manutenção financeira da Pousada Solidariedade acontece por meio de doações da comunidade, diretamente por pessoas físicas e empresas, e do FUNCRIANÇA. Com o valor arrecadado pela campanha “Doe de Coração”, será possível manter os custos operacionais como folha de pagamento, alimentação, luz, água, e internet, conforme afirma a idealizadora da VIAVIDA, Lucia Elbern. “Com a pandemia do coronavírus e as novas medidas de isolamento social, orientadas pela Vigilância Sanitária, a Pousada precisou ter o número de atendimento reduzido em 50%, números preocupantes para quem está na fila de espera de transplantes”, enfatiza. Conforme levantamento da Central de Transplantes do Estado do Estado do Rio Grande do Sul, o número de transplantes de órgãos e de tecidos caiu 39,20%, entre janeiro e julho deste ano. Foram 794 procedimentos do tipo realizados, contra 1.306 no mesmo período de 2019.

Além de ajudar financeiramente a VIAVIDA, a campanha também tem o objetivo de conscientizar as pessoas sobre a doação de órgãos. A inspiração veio da letra da música “Doação”, uma das faixas do EP “Internação”, gravado no estúdio Linha Sonora, em Caxias do Sul (RS). “As letras abordam assuntos comuns a todo mundo, como a aceitação da morte, a dor do luto, a busca por uma religião nos momentos finais da vida e a importância da doação de órgãos para a vida de milhões de pessoas.”, explica CIRIO.

Todos os direitos autorais arrecadados com o EP “Internação” e as execuções públicas das músicas em plataformas de streaming ou mídias tradicionais, como rádio e televisão, pelos próximos 60 dias, serão revertidos para a campanha da VIAVIDA, e futuramente para outras entidades com projetos vinculados às áreas da saúde.

Ouça a música “Doação” no canal do CIRIO no YouTube (https://bit.ly/3dEPM3z) e todas as faixas do EP “Internação” nos aplicativos de música (https://tratore.ffm.to/ciriointernacao).

Números de Doações de Órgãos no Brasil

De acordo com o Ministério da Saúde, o impacto COVID-19 fez com que as doações de órgãos no país caíssem 40% em comparação ao ano passado. De janeiro a julho de 2019, foram realizados 15.827 transplantes. No mesmo período em 2020, foram 9.952 procedimentos. As doações de órgãos em 2020 também tiveram queda de 8,4% em relação aos dados de 2019. Até 31 de julho, havia 46.181 pacientes aguardando por um transplante.

 

Please follow and like us: